Skip to main content

News

Conheça a equipa

Published: 22/11/2018
Dr.ª Natasha Lee, membro do Grupo WSAVA para as Directrizes de Bem-Estar e do Comité WSAVA para o Bem-Estar Animal...

A Dr.ª Natasha Lee é uma veterinária oriunda da Malásia, com mais de 14 anos de experiência na área do bem-estar animal. As suas áreas de interesse incluem o bem-estar dos animais de companhia, ciência do bem-estar animal e medicina de abrigos. Membro do grupo para as Directrizes de Bem-Estar Animal e do Comité para o Bem-Estar Animal, ajudou a efectivar o lançamento das novas Directrizes WSAVA para a Assembleia de Representantes durante o Congresso Mundial e, desde então, tem promovido o lançamento das Directrizes noutros congressos na Ásia.

Como é o seu dia de trabalho?
Sou uma consultora independente para o bem-estar animal e trabalho com organizações a fim de melhorar os respectivos programas de bem-estar animal ou a proporcionar treino a indivíduos interessados em aprender mais sobre o bem-estar animal. O meu trabalho é diversificado, pelo que não existe um dia de trabalho padronizado. Posso estar a fazer treino numa semana, mediação na seguinte, depois auditoria e, por fim, regressar à cirurgia. Agora que sou trabalhadora independente, também posso experimentar coisas novas. Por exemplo, estive recentemente envolvida em programas de bem-estar com equinos, auditoria a quintas, organização de conferências e planeamento de angariação de fundos a longo prazo para uma organização.

Qual é o seu envolvimento com a WSAVA?
Sou membro, tanto do Comité para o Bem-Estar Animal como do Grupo para as Directrizes de Bem-Estar Animal. Considerando que tenho visto tantas clínicas veterinárias e projectos de bem-estar animal na Ásia, senti que a minha experiência significava que seria capaz de representar a nossa região de forma adequada, ao mesmo tempo que pude trazer os meus conhecimentos ao Grupo paras as Directrizes de Bem-Estar em particular. As nossas novas Directrizes são importantes, porque apesar de existir uma grande quantidade de informação relacionada com o bem-estar animal, ela encontra-se dispersa por muitos locais diferentes. Reunimos, pela primeira vez, toda a informação, de modo a torná-la fácil de aceder, e é isso que torna este projecto tão entusiasmante.

Que diferença espera que as Directrizes de Bem-Estar faça para os médicos veterinários – e para os seus pacientes?
Gostava que todos os veterinários ficassem mais atentos ao bem-estar animal e ao seu papel na defesa do bem-estar face ao público em geral. Níveis de consciência mais elevados, traduzir-se-ão numa maior consideração relativamente à diminuição do stress e à promoção de experiências positivas para os animais que estiverem sob o nosso cuidado. As nossas Directrizes constituem apenas o primeiro passo. Estamos a traduzi-las num maior número de línguas e a trabalhar para o desenvolvimento de ferramentas práticas para os clínicos. Futuramente, esperamos criar um pacote educativo para ensinar os médicos veterinários a aplicar as Directrizes na sua prática quotidiana.

Porque considera o trabalho da WSAVA importante?
Oferecemos um espaço singular, no qual podemos trabalhar em conjunto para a melhoria dos cuidados médico veterinários para os animais de companhia a nível internacional, apelando ao seu bem-estar.

De que gosta de fazer quando não está a trabalhar?
Quando não estou a trabalhar, sou uma serva do meu gato, Alfie, que um dia entrou na minha casa, para nunca mais sair.
 

concave-pink-white