Skip to main content

News

Conheça a equipa

Published: 12/03/2018


Ellen van Nierop, Tesoureira da WSAVA. Ellen é membro do Painel Executivo da WSAVA. De nacionalidade holandesa, é médica veterinária no Equador e gere uma clínica em parceria com o marido, também ele veterinário. É a Tesoureira da WSAVA e também está fortemente envolvida no programa de educação contínua da WSAVA em todo o Mundo.

Poderia resumir a sua carreira até à data?

Soube que queria ser veterinária quando tinha sete anos de idade e licenciei-me pela Universidade de Ghent, na Bélgica, em 2000. Fiz um ano de voluntariado a trabalhar com vida selvagem à volta do Mundo e, durante essa viagem, estabeleci-me em Quito, no Equador. Trabalhei como veterinária de pequenos animais em clínicas, entre 2001 e 2003, antes de inaugurar uma clínica com o meu marido, veterinário, o Dr. Germán Fierro. A nossa clínica tem crescido ao longo dos anos e foi remodelada recentemente. Temos quatro veterinários e três auxiliares. De alguma forma, também arranjei tempo para estudar contabilidade e auditoria e, em 2016, obtive a minha graduação como Engenheira em Contabilidade e Auditoria pela Universidade Particular de Loja, no Equador.

Como é um “dia de trabalho” para si?

Sou responsável pela gestão e administração da nossa clínica e também sou uma clínica geral. Por vezes é difícil conseguir um equilíbrio entre estas funções!

Quando é que se envolveu com a WSAVA pela primeira vez?

A minha primeira interacção com a WSAVA foi no papel de Representante da Assembleia Equatorial e tradutora para os cursos leccionados por oradores de expressão inglesa. O meu primeiro congresso da WSAVA teve lugar em Genebra, numa viagem que consegui combinar com a visita à família, uma vez que a minha associação, à semelhança de muitas outras, não conseguiu pagar-me as despesas de deslocação envolvidas na assistência ao congresso. Neste congresso, sob a orientação do Dr. Peter Ihrke, que conhecida através de um curso de formação contínua que decorreu no Equador, verifiquei aquilo que a WSAVA realmente defendia e envolvi-me de forma mais activa.
 

Qual é o seu papel actualmente?

Sou Tesoureira da WSAVA, o que significa que sou responsável por autorizar os pagamentos no dia-a-dia, bem como por propor uma estratégia financeira e orçamentos para os eventos organizados centralmente. Trabalhei com June Ingwersen, a nossa Secretária Financeira, e temos o apoio do Professor Michael Day, o qual esperamos que venha a assumir o meu papel no final deste ano. Também faço a ligação do programa de formação contínua da WSAVA para a América Latina, pelo que dou assistência a Zoe Belshaw, a nossa Presidente da formação contínua, no trabalho de levar eventos de formação contínua organizados e patrocinados a todo o Mundo.

De que é que gosta mais, e o que constitui para si um maior desafio?

O que gosto mais é de saber que somos todos parte de uma grande família de veterinários, que trabalham para o objectivo comum de oferecer os melhores cuidados, em todo o Mundo, a todos os animais de companhia. Gosto de ser tocada por pessoas de todo o Mundo. Com tantas línguas e bases culturais diferentes, para mim o maior desafio consiste em confiar nos voluntários e obter uma comunicação eficaz.

Em que iniciativas da WSAVA está mais intimamente envolvida?

Para além da formação contínua, estou intimamente envolvida com a iniciativa One Care, que se preocupa precisamente com o problema da comunicação e cria o caminho para que a WSAVA e respectivos membros trabalhem a partir da base, em vez de fazê-lo a partir do topo. Também estou envolvida no desenvolvimento do nosso novo modelo de patrocínio, que sentimos que virá a tornar a WSAVA mais robusta sob o aspecto financeiro, e manterei os nossos parceiros melhor informados e equipados com benefícios tangíveis, que permitam demonstrar o valor do seu envolvimento connosco.

O que faz quando não está a trabalhar?

Quando não estou a trabalhar? Isso acontece? Gosto de cozinhar, ler e viajar.

Qual é a sua mensagem para os membros da WSAVA?

A minha mensagem para os membros da WSAVA em 2018 é simples. Queremos criar uma associação que coloque os seus membros em primeiro lugar. Para podermos ser bem sucedidos, precisamos que os nossos membros se envolvam, de forma activa e entusiástica. Se tiver algumas ideias, sugestões ou outro tipo de opinião, por favor diga-nos. Estamos aqui para ouvir e agir em conformidade com os desejos dos nossos membros!
concave-pink-white